Para cuidar bem

Inalação em casa: o que eu preciso saber?

Fazer inalação ou nebulização em idosos ou pessoas acamadas é parte da rotina de muitos cuidadores familiares.

É um procedimento simples mas, que precisa ser bem feito para garantir que o resultado desejado seja efetivo.

A inalação ajuda a hidratar e fluidificar as secreções e, facilita a respiração. É usada para tratar de idosos com doenças respiratórias (p,ex. bronquite) ou, em casos de gripes e pneumonias ou outro problema que aumente a quantidade de secreção.

O envelhecimento favorece o acúmulo de secreções e a falta de hidratação adequada (ingestão hídrica por via oral ou por sonda) pode deixar o muco ainda mais espesso e difícil de ser expelido pela tosse. 

O que eu uso para fazer a inalação?

Normalmente a inalação é feita com soro fisiológico ou água filtrada e fervida, mas em alguns casos o médico pode prescrever o uso de medicamentos diluídos no soro fisiológico. 

Quanto usar de soro fisiológico normalmente?

Em geral são 5ml. Para medir use uma seringa ou copinho de medida de remédio. 

Quantas vezes ao dia?

Em casos graves a inalação com soro fisiológico pode ser realizada até 5 vezes ao dia. Normalmente é feita 3 x ao dia. 

Quanto tempo de duração?

Em geral 15-20min ou até o líquido acabar.

Posso usar o mesmo inalador com meu pai e minha mãe?

Não é recomendável. Compartilhar o inalador pode favorecer a transmissão de bactérias, vírus, etc.  

Como posso limpar o kit de inalação/nebulização?

A limpeza do conjunto (kit) de nebulização/inalação (copinho, tubo e máscara) deve ser feita ao final do dia. Em alguns aparelhos o copinho interno é descartável e deve ser trocado ao final do dia.

1° passo: Lavagem com água e sabão

A ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) recomenda que se lave utilizando detergente, escova e/ou esponja e água. Essa etapa é de extrema importância para se reduzir a quantidade de material biológico e permitir a ação do processo de esterilização.

2° passo: Esterilização

Coloque copinho, tubo e máscara em um recipiente previamente lavado com água e sabão (que será usado só para isso). Coloque 1 litro de água fervida e acrescente 5ml (ou 1 colher de chá) de água sanitária que é vendida no supermercado (2,0%  a 2,5% de hipoclorito de sódio).

passo: Tempo

Deixe totalmente submerso durante um período de 30 minutos. Controle o horário de início e fim deste processo.  Não deixe o kit imerso nessa solução de um dia para o outro.

passo: Retirada

Retire e enxágue com água da torneira de forma abundante.

 passo: Armazenamento

Guarde em um recipiente previamente lavado com água e sabão e que tenha tampa (por exemplo, uma caixa de plástico. Forre antes com papel toalha e troque a cada vez)

Dicas para uma boa inalação

  1. Lave bem suas mãos antes de manusear o inalador e o soro fisiológico;
  2. Faça a higiene oral antes da inalação. Partículas de resto de alimentos podem ir para as vias aéreas, principalmente nos idosos com problemas de deglutição (disfagia);
  3. Faça a inalação na posição sentada com o tronco e a cabeça bem alinhados (nem caída para os lados e nem para frente ou para trás). A cabeça excessivamente caída para trás dificulta a deglutição de saliva. Use almofadas e travesseiros para posicionar;
  4. Se o idoso estiver acamado, eleve a cabeceira em uma inclinação de no mínimo 60o, se não o líquido pode derramar e se perde a eficácia da inalação;
  5. Melhor fazer a inalação quando o idoso está acordado e atento. Peça para respirar profundamente tentando expandir os pulmões;
  6. Prenda a máscara de forma confortável ao redor da boca e do nariz, mas não deixe muito frouxo. Se não estiver bem acoplada as partículas se perdem antes de serem inaladas. Caso seja necessário, segure a máscara em boa posição;
  7. O tubo que conecta a máscara ao aparelho deve estar desenrolado;
  8. Prefira os inaladores ultrassônicos que são mais potentes. Esses inaladores tem transdutor que transforma energia elétrica em ondas (vibrações) mecânicas fazendo com que o líquido dentro do inalador seja transformado em micro gotículas que são carregadas para dentro do pulmão (vias áreas);
  9. Siga a prescrição do médico no caso das inalações com medicamentos. Medicamentos são oferecidos em gotas. Quando usados a mais do que o prescrito podem causar problemas visuais (glaucoma) e cardiovasculares (taquicardia);
  10. Não relaxe com a limpeza do kit de inalação.

12 Comentários. Deixe novo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu